Venha curtir os sabores de Gravatá

29 10 2010

Bom, se você acompanha nosso blog já nos viu mostrando as belezas dessa cidade encantadora, se não vio não perca tempo ( clique aqui ) e agora voltamos a falar de Gravatá, mas dessa vez pra te convidar a participar da 8ª edição do Festival Gatronômico Sabores de Gravatá.

Foto: Divulgação

Até o dia 15 de novembro a cidade ferve com esse festival, são 21 estabelecimentos que garantem misturar os melhores ingredientes da culinária regional e internacional com pratos diversificados que prometem agradar todos os gostos.

Não perca e aproveite o feriadão que se aproxima para conferir de perto e se deliciar com todos esses sabores. Para conferir mais informções assim como os restaurantes participantes basta acessar o site do festival.

Por: Suelen Teixeira

Fonte: Secretaria de Turismo de Pernambuco





O Desconhecido: Acre

10 07 2010

O Acre é o estado menos conhecido e menos divulgado de todo o país, porém ontem a tarde andando pelas “ruas” da Fenearte encontramos um stand de artesanato do Acre, então aproveitei e tentei obter informações sobre esse estado. Consegui o site do governo do estado e o do grupo de artesões que lá se encontrava.

Falaremos principalmente dos pontos turísticos, mas primeiro vamos aos principais dados sobre o Acre.

  1. Área territorial de 164.221,36 Km², situado na Região Norte extremo oeste do Brasil;
  2. O Acre possui limites internacionais, ao oeste Bolívia e ao sul Peru e limites com dois estados brasileiros, ao norte Amazônia e ao leste Rondônia;
  3. A maior parte do estado situa-se sobre um planalto, seu clima é equatorial;
  4. O fuso horário acreano é de -2 h em relação a Brasília;
  5. O Acre possui uma população de 686.652 habitantes com uma densidade demográfica de 4,18 hab/km²;
  6. As cidades mais populosas são: Rio Branco – Capital: 314.127 hab. (8.831 Km²); Cruzeiro do Sul: 86.725 hab. (8.816 Km²); Feijó: 39.365 hab. (27.964 Km²); Sena Madureira: 33.614 hab. (23.732 Km²); Tarauacá: 30.711hab. (20.199 Km²); Senador Guiomard: 21.000 hab. (2.321 Km²).

Além disso o Acre possui uma história recente de lutas para expulsar o domínio estrangeiro e se firmar com um estado brasileiro, para ler essa história é só clicar aqui.

A população é representada principalmente por seringueiros e índios que habitavam a região e várias lutas foram geradas pela busca da riqueza e os direitos dos seringueiros e índios. Dois acreanos importantes nessas lutas foram o Chico Mendes e Wilson Pinheiro que foram brutalmente assassinados. Fruto dessa luta e pela preservação da floresta, surgiu em 1989 os Projetos de Assentamento Extrativista (PAE) criados pelo INCRA. E em 1990 surgiram as Reservas Extrativistas (REVEX).

O estado do Acre é dividido em 5 macrorregiões onde cada uma possui várias cidades principais, então para explorar melhor o turismo no Acre falaremos numa série de posts chamados de “O Desconhecido: Acre” sobre cada macroregião e suas principais cidades e pontos turísticos, além de dedicar um post exclusivamente a gastronomia acreana.

Para mais informações sobre o Acre acesse o site do Governo do Estado

Aguardo vocês nos próximos para que conheçam melhor o Acre.

Por: Pelino Henrique





Ecoturismo e Turismo de Aventura em Pernambuco

26 06 2010

Pernambuco por ser um estado nordestino que possui três macrorregiões climáticas, apresenta diferentes características ambientais no sentido leste-oeste.

Graças a essa caracteristica podemos dislumbrar belas paisagens no estado, o que nos possibilita um maior contato com a natureza. Pensando nisso, decidimos demonstrar um ótimo roteiro que os turistas podem fazer em Pernambuco.

Vamos começar com trilhas diversas, tanto a pé como de bicicleta, na cidade de Gravatá no agreste, essas trilhas oferecen subidas e decidas, passagens por túneis de trens e pontes. Mas não é apenas isso, la vc encotrará as cachoeiras do Doé, da Palmeira, o Sítio de Dona Nair e a Pedra Branca.

Localizado mais próximo ao litoral, na Zona da Mata Norte, pode conhecer o refúgio ecológico Charles Darwin, situado no município de Igarassu. Lá o turista encontrará um verdadeiro santúario ambiental e poderá ficar em contato direto com animais da fauna local.

Uma bela opção de trilhas de bicicleta que começa na terra e termina com um belo trofeu, a represa do rio Gajaú, encontra-se no Cabo de Santo Agostinho. Pra quem vai pode deixar o carro no posto de gasolina que fica na entrada da trilha e la mesmo alugar uma bicicleta e é so diversão.

Em Pernambuco tambem é possível a prática de canyoning, nas águas das cachoeiras de Bonito, onde tambem se pratica o rapel. Outros pontos para a prática do canyoning são: Cachoeira do Urubu, em Primavera (Zona da Mata Sul); Pedra do Repolho, em Venturosa (Agreste); Triunfo (Agreste) e São Benedito do Sul (Zona da Mata Sul).

Além da possibilidade da prática do voo livre. Possuímos dois locais para essa prática, o primeiro é a Rampa do Pepê, na Serra da Taquara em Taquaritinga do Norte é o segundo ponto mais alto do estado com 1060 metros de altitude, lá ocorre o circuito de asa delta em novembro. O outro ponto é o Morro dos Pombos, na Serra das Russas, na divisa entre Aliança e Timbaúba, com 560 metros de altitude.

Espero que aproveitem bem qualquer uma todas as opções que temos no estado.

Por: Pelino Henrique