Viagem de Carro com Sustentabilidade

22 09 2010

Vai viajar de carro, pelas belas estradas brasileiras, mas quer que sua viagem seja sustentável?

O Blog Turismo – PE – Brasil traz agora belas dicas para reduzir a poluição, o gasto de combustível e as possíveis dores de cabeça com a viagem.

  1. Consumo de Combustível – verifique o consumo de combustível médio do motor do seu carro, passe na revisão para limpeza dos componentes do motor e da injeção eletrônica, quanto mais combustível gasto mais poluentes são lançados no ar. Pise leve no acelerador, rode geralmente em marchas altas mas não ande na velocidade máxima do carro, andando a 3/4 da velocidade máxima permitida da rodovia o consumo de combustível é reduzido e a perca de tempo e irrelevante;
  2. Calibragem dos Pneus – pneus murchos dificultam a dirigibilidade, aumentam o consumo do combustível e o desgaste dos pneus. Por isso use a calibragem recomendada pelo fabricante, além do balanceamento e alinhamento;
  3. Manutenção – Procure sempre um mecânico de confiança para regulagem do motor, filtros e óleos;
  4. Carros Bi-combustíveis – prefira abastecer o carro a álcool de fontes renováveis. São menos poluentes que os combustíveis fósseis;
  5. Ar-condicionado – ar-condicionado ligado por muito tempo reduz a potência do motor e provoca um maior consumo de combustível e lembre-se que quanto mais peso mais gasto de combustível;
  6. Ponto Morto – colocar o carro no ponto morto pra economizar combustível é pura lenda, na verdade aumenta o gasto de combustível, pois é melhor manter o carro numa aceleração constante do que recuperar a velocidade após a redução. Além disso pode provocar a perca de dirigibilidade por perca do freio motor;
  7. Pneus – quando for fazer a troca dos pneus ser preocupem com o destino que será dado a eles, algumas empresas reciclam os pneus para transformar em asfalto o que é ótimo para o meio ambiente;
  8. Carga – o excesso de peso aumenta o combustível e no caso dos caminhões aumenta a degradação das estradas;
  9. Lixo – evite jogar lixo pela janela, pois alem de poluir o ambiente e o risco de acidentes é proibido e passível de multa. Pegue o lixo coloque numa sacola e descarte nos lixeiros públicos;
  10. Carona – dentro das cidades procure formar grupos de caronas para ir trabalhar, além de economizar no combustível ajuda a reduzir o número de carros nas vias.

Com essas dicas no final do ano ou no fim da viagem a economia será visível e além disso a natureza vai agradecer.

Por: Pelino Henrique

Anúncios




Turismo Acessível vol. 4

3 07 2010

Agora fechando os 4 volumes do manual de Turismo Acessível estamos disponibilizando o ultimo link para download.

Para fazer o download clique na imagem.

Para mais informações acesse o Blog Turismo Adaptado

Por: Pelino Henrique





Manual de Turismo Acessível vol. II e III

1 07 2010

Anteriormente já foi apresentado o Manual de Turismo Acessível que seu vol. I tratava da introdução agora vamos disponibilizar os volumes II e II.

Para fazer o download do manual basta clicar na imagem.

Mais informações acesse: Blog Turismo Adaptado

Por: Pelino Henrique





Dicas para prática de turismo sutentável parte 4

1 07 2010

Finalmente chegamos a última parte das melhores dicas sobre práticas de turismo sustentável, nessa parte nós vamos dar dicas de como aproveitar a natureza dos locais que você visitar e medidas para que você tenha uma ótima volta para casa. Tudo isso pra tornar sua viagem maravilhosamente inesquecível.

Aproveite a natureza

  1. Pratique ecoturismo, procure atividades sustentáveis que não agridam a natureza e que contribua para a economia local;
  2. Visite áreas protegidas, procure se informar sobre áreas de proteção ambiental, pois lá você entrará em contato direto com a flora e fauna local em um habitat protegido, mas lembre-se de ter atitudes correta não deixando vestigios de sua passagem pela área;
  3. Faça uma trilha, é um passeio maravilhos, onde você entrará em contato com a natureza e dependendo da trilha você será recompensado com um ótimo banho de rio ou cachoeira;
  4. Não explore animais silvestres, de maneira nenhuma retire animais silvestre da área nem compre-os.

E finalmente voltando para casa você deverá ter as seguintes atitudes:

  1. Recicle todo o material utilizado na sua viagem, como guias, folders, revistas entre outros, assim você contribui para a diminuição no acumulo de lixo, além de contribuir com cooperativas de reciclagem;
  2. Sua opinião é muito importante, então sua analise sobre o local que você visitou contribuirá para a melhoria das práticas turísticas.

Espero que esse guia tenha sido útil a todos vocês e que todos ponham em prática essas atitudes básicas. Então o que vocês estão esperando, peguem as malas e apreveitem para viajar. E para ter acesso ao guia completo clique aqui.

Por: Pelino Henrique





Manual de Turismo Acessível

30 06 2010

Fazendo uma visita ao Blog Turismo Adaptado tive acesso a um material muito importante, 1º de 4 volumes do manual Turismo Acessível: Introdução a Uma Viagem de Inclusão.

Então resolvi postar o link para esse manual aqui pela a importância de um material como esse para um público que necessita cada vez mais de uma maior inclusão em todos os setores da sociedade. Atualmente ainda há uma grande falta de estrutura no setor turisticos direcionado para esse público, que por sinal consome cada vez mais.

Então para ter acesso ao manual clique aqui

Por: Pelino Henrique





Programa Turismo Sustentável e Infância

30 06 2010

Em 2004, por solicitação do Presidente Lula, alguns ministérios passaram a trabalhar juntos pelo combate a exploração sexual de crianças e adolescentes. Uma dessas ações partiu do MTur, que consiste no Programa Turismo Sustentável e Infância (TSI), que tem como objetivo combater a exploração de crianças e adolescentes em equipamentos turisticos, desenvolvimento sustentável e direito das crianças.

Em parceria com o Conselho Nacional de Turismo, Secretarias Municipais e Estaduais de Turismo, Câmara Temática do Turismo Sustentável e Infância, Empresas representativas do setor turísticos, universidades e sociedade civil. Conta com a participação de agentes públicos em todas as escalas, empresários, profissionais do turismo e segmentos da sociedade.

Tem como principais ações a divulgação de campanhas contra a exploração de crianças, inserção de jovens no mercado turisticos além da conscientização da população.

Entre 2004 e 2008 o programa atingiu ótimos resultados com um investimento de R$ 15.148.540,00, dentre esses resultados estão:

  • 55 convênios aprovados;
  • 410 agentes formados;
  • 111 seminários de sensibilização realizados; entre outros.

Mais informações consulte o site da MTur.

Por: Pelino Henrique





Dicas para prática de turismo sutentável parte 3

27 06 2010

Dando prosseguimento as dicas para uma pratica turistica sustentável agora vamos as compras e também o que fazer durante a hospedagem.

Primeiro as compras:

  1. Consuma artigos produzidos no local, ou seja, compre artesanatos produzidos pela população local ou artigos raros que você so conseguirá encontrar naquele local, como frutas entre outros. Desse modo você valoriza a cultura e economia local;
  2. Prove sabores locais experimentando a culinária local, der preferência as frutas da estação na região que você esta visitando, pois assim você evita se alimentar de frutos transportados de outra região diminuindo assim a poluição atmosférica;
  3. Não compre produtos feitos com peles de animais ou espécies ameaçada de extinção, pois diminuindo o consumo desses produtos os comerciantes irão parar de vende-los;
  4. Evite embalagens em excesso utilizando ecobags e garrafas retornáveis;
  5. Pechinche com humor, mas cuidado para não exagerar, pois uma pequena quantidade pra você pode ser muito para o vendedor.

Agora vamos as atitudes que você deve ter quando estiver em sua hospedagem:

  1. Opte por acomodações ambientalmente responsáveis, ou seja, lugares que tratem os residuos, utilizem alternativas de energia limpa e que usem energia de forma responsável;
  2. Economize energia desligando o ar condicionado ou aquecedor quando não estiver sendo usado, desligue as luzes e a tv(não deixe em stand by) quando sair do quarto;
  3. Economize água tomando banhos rápidos. Você em casa não troca roupa de cama e toalhas todos os dias, então na hospedagem você também não precisa, assim vc vai diminuir o uso de detergentes para lavá-los.

Por enquanto as dicas são essas, no próximo virão as dicas finais.

Por: Pelino Henrique