Cabo das Igrejas

17 07 2010

O Município do Cabo de Santo Agostinho é famoso pelas suas belas praias (Gaibu, Paraíso, Calhetas, Paiva, Pedra de Xaréu, Enseada dos Corais, Itapuama, Suape e Praia do Cabo de Santo Agostinho) mas possui um outro atrativo turístico que vale muito a pena visitar: as suas igrejas.

O Cabo de Santo Agostinho possui várias igrejas das mais variadas epócas, tem igrejas que datam desde 1590 até atuais igrejas do século XX. O traços arquitetônicos demonstram toda a vida religiosa do nosso país.

  1. A Capela de Nossa Senhora de Fátima é palco da festa em homenagem a santa que acontece no dia 13 de maio;
  2. A Igreja de Santo Amaro foi contruida no século XVIII e foi reformada no ano de 1822, sua fachada é simples e possui um altar para o Santo Amaro e um altar para Nossa Senhora;
  3. A Igreja de São Miguel foi contruída nas terras do Engenho Novo, antes da invasão holandesa;
  4. A Igreja Matriz de Santo Antônio foi construída no século XVIII, mas ela surgiu a partir de uma pequena igreja construída entre 1590 e 1595 de onde surgiu o primeiro núcleo urbano que culminaria na cidade do Cabo de Santo Agostinho;
  5. A Igreja de Nossa Senhora do Livramento foi construída no século XVIII e reconstruida em 1875;
  6. Igreja de Nossa Senhora do Nazaré que é localizada no ponto mais alto da cidade ao lado das ruinas do convento carmelita e do cemitério, seus sinos são originais e ainda tocam para anunciar uma nova missa.

Uma boa dica para quem quer fugir do sol e mar e gosta de visitar a história do nosso estado.

Por: Pelino Henrique

Anúncios

Ações

Information

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: